FEUP desenvolve ferramenta inovadora de combate aos fogos florestais

FEUP desenvolve ferramenta inovadora de combate aos fogos florestais

É uma das catástrofes ambientais do nosso século e todos os anos dizimam milhares de hectares de floresta: só em 2017, em Portugal, dados oficiais apontam para 540 hectares de área ardida na sequência dos incêndios florestais.

A pensar nisso, uma equipa de investigadores do Laboratório de Sistemas e Tecnologias Subaquáticas (LSTS) da Faculdade de Engenharia da U.Porto (FEUP), em colaboração com a Universidade de Vigo (UVigo) e o Laboratoire d’analyse et d’architecture des Systèmes (LAAS-CNRS) da Universidade de Toulouse, está a desenvolver uma ferramenta inovadora com o objetivo de aumentar o poder e qualidade de decisão em situações de catástrofe das forças de intervenção. Como? Através da conjugação dos sistemas autónomos com comunicações satélite, que vai permitir a gestão do incêndio através da sensorização remota: a nova ferramenta vai, assim, fornecer informações – em tempo quase real – sobre o perímetro de fogo, imagens infravermelho (IR) de UAVs e comunicação satélite. Adicionalmente irá gerar mapas com informação sobre os incêndios em várias escalas e com diferentes detalhes (em tempo real, histórico, mapeamento de fogo, a previsão da propagação do fogo, etc).

Excerto de: http://noticias.up.pt/feup-desenvolve-ferramenta-inovadora-de-combate-ao...
Por Raquel Pires / FEUP

Tags: